quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Piódão, a "aldeia presépio" de Portugal




Apelidada de "aldeia presépio", devido à disposição das suas casas na encosta e o ambiente que ganha quando cai a noite, Piódão é um local verdadeiramente fascinante.

A aldeia é classificada como "Imóvel de Interesse Público",  e localiza-se na Serra do Açor, com uma implantação de escarpa abrupta e uma estrutura de malha cerrada e traçado sinuoso, bem adaptada à rugosidade do espaço envolvente. As pastagens da Serra de S. Pedro do Açor, recheada de nascentes, atraíram os pastores lusitanos que ali alimentaram os seus rebanhos. Na época medieval, formou-se um pequeno povoado a que foi dado o nome de Casas Piódam, depois transferido para a atual localização, talvez devido à instalação de um Mosteiro de Cister (de que já não restam vestígios) o que fará remontar o lugar ao séc. XIII. A este mosteiro poderá estar ligada a antiga invocação de Santa Maria (comum nas Abadias Cistercienses) da Igreja Matriz templo reformulado no séc. XVIII/XIX, o que o dotou duma curiosa fachada pautada por finas torres cilíndricas rematadas por cones.




O que visitar:

  • Igreja de Nossa Senhora da Conceição (Igreja Matriz)
É o edifício que mais se destaca mal se chega a Piódão. As suas paredes brancas, embora mantendo os típicos apontamentos em tons de azul, contrastam com a cor de terra dominante das restantes casas da aldeia. A sua origem data do século XVIII tendo, no entanto, sofrido obras de remodelação ao longo dos anos.

  • Núcleo Museológico do Piódão
É o local ideal para recolher mais informações sobre esta aldeia histórica: a sua história, artesanato e tradições, assim como informações turísticas como onde ficar, o que comer, quais os percursos pedestres disponíveis, entre outros. Está localizado junto à Igreja Matriz, no Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira.

  • Capela de São Pedro
Localizada quase no topo de Piódão, a Capela de São Pedro exibe as mesmas paredes brancas da Igreja Matriz mas numa dimensão mais reduzida. A sua cruz iluminada por neon à noite faz com que não passe despercebida na paisagem.

  • Praia Fluvial
Em dias de maior calor, é praticamente obrigatório um mergulho na praia fluvial de Piódão à qual foi atribuída este ano a Bandeira Azul. A sua água límpida e cristalina e a magnífica paisagem onde está inserida torna-a irresistível.

  • Percursos pedestres
Se gosta de caminhadas então aproveite os vários trilhos traçados e indicados por toda a aldeia histórica. Poderá obter mais informações no Posto de Turismo no Largo principal de Piódão, junto à Igreja Matriz.

  • Provar as deliciosas iguarias
Não saia de Piódão sem provar a sua famosa broa de batata, o queijo da serra, os vários licores ou alguns pratos típicos como a chanfana ou as trutas grelhadas.








Como chegar:

Se vier de Lisboa ou do Porto deverá apanhar a A1 e sair em direção a Coimbra Norte para depois seguir pelo IP3 em direção a Viseu. No IP3 deverá sair para o IC6 em direção a Arganil/Covilhã/Oliveira do Hospital e depois seguir pela N17. Na N17 poderá optar por uma das seguintes alternativas: ir até Arganil ou ir até Coja para depois seguir para o Piódão.
Coordenadas GPS: 40.2295652, -7.8273785







Direitos reservados a:
Alguma informação adaptada de:sapo.pt

Sem comentários:

Publicar um comentário