domingo, 4 de agosto de 2019

Sines.... a bela cidade do litoral Alentejano



Foi em Sines que nasceu o famoso navegador Vasco da Gama (1468-1524), filho do Alcaide-mor da cidade. No centro, no Largo Muro da Praia, foi construída uma estátua em sua honra e outra em frente ao castelo. Local apontado por alguns historiadores como berço e morada de Vasco da Gama, a Torre de Menagem do Castelo de Sines recebe um centro de evocação da sua vida. Devido à falta de objetos diretamente ligados ao navegador, foi construída uma instalação multimédia que conta a história de vida de Vasco da Gama e dos Descobrimentos portugueses.

A praia urbana da baía de Sines, a alguns metros do centro da cidade, tem o nome do navegador. É uma baía abrigada, banhada por um mar normalmente muito calmo, ideal para a prática de windsurf e vela. É ladeada pela Avenida Marginal, que proporciona agradáveis passeios e pé ou bicicleta e a prática de jogging. Aqui existem muitos bares e esplanadas e costuma receber muitos concertos de música. 


Outras praias para desfrutar
Em redor de Sines há 30 quilómetros de costa, com praias para todos os gostos. Uma das mais interessantes é a praia da Costa de Santo André. É muito pouco frequentada, principalmente devido à agitação marítima e aos fundos perigosos, mas de grande beleza.

A praia de Melides é outra indicada para quem gosta de sossego. Tem apenas as infra-estruturas turísticas essenciais e respeita o puro ecossistema em que se insere. A sul da frente de praia há dunas com flora endémica e a norte arribas de arenitos. A paisagem é deslumbrante. A praia da Vieirinha, também conhecida como praia da Pedra da Casca, tem um extenso areal com pequenas rochas no mar que formam pequenas enseadas. É sem dúvida outra das praias mais bonitas da zona.


Sines também respira cultura

A cidade de Sines está bem servida de atrações culturais. Pode visitar o Museu Arqueológico, onde se guardam vestígios arqueológicos encontrados na região, comprovando a sua ocupação em tempos remotos. O Centro de Artes de Sines é o principal equipamento cultural e de suporte às artes e educação em Sines. A sua atividade divide-se em vários espaços e valências e costuma acolher exposições temporárias muito interessantes, sobre os mais variados assuntos.

A cerca de 500 metros do Centro de Artes de Sines fica a A das Artes Livraria, que em 2015 recebeu o prémio de “Livraria Preferida dos Portugueses”. A distinção foi atribuída pela APEL (Associação Portuguesa de Editores e Livreiros), que a distinguiu igualmente com o prémio de Melhor Atendimento. No local, para além de livros, vende-se CD’s de música.


Fantástica gastronomia
Não faltam bons restaurantes em Sines, que servem essencialmente peixe e marisco deliciosos. A marisqueira Cais da Estação surgiu da recuperação do antigo armazém de Mercadorias da Estação de comboios de Sines. Manteve a traça industrial original e a ementa tem as suas raízes na cozinha regional alentejana. Destacam-se os petiscos confecionados a partir do peixe e marisco fresco da Costa Alentejana. O arroz de lingueirão com choco frito (afinal de contas, Setúbal não está nada longe) é a especialidade mais conhecida.




Texto adaptada de https://www.aproximaviagem.pt

Sem comentários:

Publicar um comentário